Alimentos que podem tornar o cabelo das crianças saudável

Uma criança com cabelos saudáveis ​​e fortes certamente parece mais adorável Então , para manter o cabelo do seu filho saudável , você pode dar certos alimentos que se acredita serem bons para o cabelo Para saber quais são esses alimentos que podem tornar o cabelo das crianças saudável.

Além do cuidado , para se manter saudável, o cabelo das crianças também precisa de nutrição. Alguns dos nutrientes necessários ao cabelo, nomeadamente ácido fólico, ómega-3, proteínas e vitaminas B6 e B12. Esses nutrientes podem ser obtidos a partir de uma variedade de alimentos que podem ser consumidos pelo seu filho todos os dias.

8 escolhas alimentares que podem tornar o cabelo das crianças saudável

O cabelo saudável das crianças geralmente é caracterizado por não ser fácil de quebrar e cair, cor de cabelo brilhante e também não seco. Para manter a saúde do cabelo do seu filho, mas você pode dar a ele alimentos que são benéficos para o cabelo, como:

1. Ovos

Os ovos são uma fonte de proteína animal facilmente disponível e geralmente apreciada pelas crianças. A alta proteína nos ovos pode ajudar no crescimento do cabelo porque os próprios folículos capilares são formados por proteínas. A deficiência de proteína é conhecida por desencadear a perda de cabelo.

Os ovos também contêm biotina , que é necessária na produção de queratina, uma proteína protetora que mantém cabelos, unhas e pele saudáveis.

2. Carne

Além dos ovos, a carne também é uma fonte de proteína. Como explicado anteriormente, a proteína desempenha um papel importante para ajudar no crescimento do cabelo e mantê-lo saudável e forte.

A carne também contém ferro, que é importante na formação de glóbulos vermelhos. A deficiência de ferro está frequentemente associada à perda de cabelo.

3. Espinafre

O espinafre armazena nutrientes abundantes, como folato, ferro e vitaminas A e C. A nutrição completa do espinafre pode ajudar a nutrir o cabelo das crianças. Isso porque a vitamina A contida no espinafre também desempenha um papel na produção de sebo, que é útil para manter o couro cabeludo úmido para que o cabelo não seja facilmente danificado.

4. Abacate e goiaba

Abacate contém vitamina E, que é necessária para ajudar no crescimento do cabelo. Além disso, a vitamina E também é conhecida por suas propriedades antioxidantes que podem neutralizar os efeitos da exposição aos radicais livres que são propensos a danificar o cabelo.

Enquanto isso, a goiaba é uma das frutas ricas em vitamina C. A vitamina C é conhecida por prevenir danos ao cabelo e estimular a formação de colágeno, que também tem um papel importante na manutenção da estrutura capilar saudável.

5. Peixes

Salmão e cavala são ricos em ácidos graxos ômega que se acredita desempenhar um papel importante no crescimento do cabelo. Além disso, esses peixes também são ricos em proteínas, selênio, vitamina D3 e vitaminas do complexo B, que podem ajudar a manter o cabelo saudável e forte.

6. Nozes

Além de deliciosas consumidas como um lanche saudável, as nozes, como as amêndoas , também são boas para a saúde dos cabelos das crianças. Isso se deve às vitaminas B e E, zinco e ácidos graxos essenciais contidos nas nozes. Consumir nozes regularmente também pode nutrir o corpo e até aliviar a inflamação .

7. Batata doce

A batata-doce contém beta-caroteno que o corpo converte em vitamina A. Bem , esta vitamina A tem um papel importante na aceleração da taxa de crescimento do cabelo, tornando o cabelo mais volumoso, evitando danos aos folículos capilares, prevenindo o ressecamento do cabelo e tornando o cabelo mais brilhante .

8. Iogurte

O iogurte contém vitamina B5 ou o que é conhecido como ácido pantotênico. Esta vitamina ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo para o couro cabeludo, combate a queda de cabelo e previne a queda de cabelo em crianças.

Bem , essa é uma variedade de alimentos que a Mãe pode dar ao seu Pequeno para que a saúde do seu cabelo seja sempre mantida. Porém, ao dar esses alimentos, fique de olho na reação da criança após comê-los, sim. A razão é que alguns dos alimentos acima correm o risco de causar reações alérgicas .

Sendo assim, se você ainda não tiver certeza sobre qual alimento dar ao seu filho, não hesite em consultar um médico diretamente para que ele possa dar o melhor conselho.


COMPARTILHAR