Categoria

Óleo e Gás

Categoria

A confiança sobre o futuro do gás está sendo recebida com investimento, de acordo com um novo relatório publicado pela DNV GL.

O relatório, intitulado Transition in Motion, destacou que quase dois terços (64%) dos 813 profissionais sênior de petróleo e gás pesquisados ​​disseram que sua empresa está aumentando (29%) ou sustentando (35%) seu investimento em projetos de gás em 2018. Apenas 8% estão planejando diminuir os gastos com projetos de gás, de acordo com o relatório.

A mais recente publicação da DNV GL também destacou que 86% dos profissionais sênior de petróleo e gás concordaram que o gás se tornará um componente cada vez mais importante da matriz energética global nos próximos 10 anos e que 44% disseram que sua organização está se preparando ativamente para uma transição menos mistura de energia intensiva em carbono.

LEIA TAMBÉM: Produção brasileira da Equinor cresce 150% com nova aquisição

“O gás se beneficia de ser uma fonte de energia mais limpa do que outros combustíveis fósseis, e com fornecimento confiável e custos acessíveis, esperamos crescimento sólido de gás nos próximos 15 anos”, disse Sverre Alvik, diretor de programa da Perspectiva de Transição de Energia da DNV GL. .

“Depois de um pico em meados da década de 2030, espera-se que o uso de gás no poder diminua por volta de 2040, quando a energia eólica e a energia solar irão dominar o fornecimento de energia”, acrescentou Alvik.