Petróleo

Empresa de petróleo mais endividada do mundo relata aumento de 20 vezes no lucro

A petrolífera estatal brasileira Petrobras ( NYSE: PBR ) informou nesta terça-feira uma receita líquida para o 3oT que subiu mais de 20 vezes em comparação ao lucro do mesmo trimestre do ano passado, devido aos altos preços do petróleo. 

A Petrobras reportou lucro líquido consolidado de US $ 1,77 bilhão (6,644 bilhões de reais) no 3T 2018, acima dos US $ 70 milhões (266 milhões de reais) no terceiro trimestre de 2017. Comparado ao segundo trimestre de 2018, o lucro líquido da Petrobras caiu 34% , devido a maiores despesas financeiras líquidas e maiores despesas com imposto de renda, a empresa disse em seu release de resultados. No segundo trimestre de 2018, a Petrobras registrou um aumento ainda maior nos lucros, com o lucro líquido subindo trinta vezes no ano, beneficiando-se do aumento dos preços do petróleo.

O terceiro trimestre deste ano foi o terceiro trimestre consecutivo em que a Petrobras registrou lucro, afirmou.

No entanto, a produção doméstica de petróleo e gás natural líquido (GNL) da Petrobras caiu no terceiro trimestre – 1,937 milhão de barris diários, 6% menor em relação ao segundo trimestre de 2018 e menor que a produção de 2,134 milhões de barris no terceiro trimestre de 2017.

A empresa atribuiu a menor produção de petróleo, LGN e gás natural principalmente à manutenção e à venda de uma participação de 25% no campo de Roncador, parcialmente compensada pelo início da produção do FPSO Cidade dos Campos dos Goytacazes no Campo de Tartaruga Verde.

Nos nove meses de janeiro a setembro, a produção de petróleo bruto e LGN da Petrobras no Brasil declinou 6%, para 2,028 milhões de bpd.

Para os nove meses até setembro, a Petrobras registrou lucro líquido de US $ 6,3 bilhões (23,677 bilhões de reais), o melhor resultado desde 2011 e um aumento de 371% em relação ao mesmo período de 2017, graças à alta dos preços do petróleo. a moeda brasileira, maiores vendas de diesel e menores despesas gerais e administrativas.

A Petrobras, considerada a companhia petrolífera mais endividada do mundo, disse que sua dívida líquida era de US $ 72,888 bilhões no final de setembro, queda de 14% em relação ao final de 2017 e queda em relação à dívida líquida de US $ 73,662 bilhões no final de junho de 2018. .

COMPARTILHE

Escreva um comentário

5 + 17 =