Geração térmica a biomassa dispara no Brasil

As usinas a biomassa foram responsáveis ​​por mais da metade da geração de energia do Brasil na semana passada pela primeira vez este ano, já que outras usinas térmicas permanecem off-line para manutenção e a maior geração hidrelétrica reduziu a demanda térmica.

Usinas somente de biomassa – que se beneficiam de baixos custos operacionais e principalmente despacho ao preço spot (PLD) – responderam por 17pc do despacho térmico na semana passada. Pequenas usinas térmicas (PQUs) com geração principalmente de biomassa (descritas como “outros” nos gráficos de carga de energia térmica da Argus no relatório Argus Brasil Gás e Energia ) somaram 40pc de energia, representando um total de 4,4 GW dos 8 GW em energia térmica carga de energia na semana passada.

Com os níveis de armazenamento de água em barragens hidrelétricas no sistema de energia do país em 70,4pc da capacidade na semana passada, o Brasil não precisa incluir geração térmica a combustível em sua carga de energia, permitindo que 61pc da carga total de energia no Brasil venha de energia hidrelétrica geração.

O gás natural foi a segunda fonte térmica mais despachada na semana passada depois da biomassa, com 23pc, com média de 1,8GW. A maior parte dessa geração se deve à inflexibilidade nos contratos de gás, como as cláusulas take-or-pay nos contratos de gás.

A geração térmica nuclear também diminuiu a carga térmica total, com a manutenção da usina nuclear de Angra 2 deixando apenas Angra 1 em operação, contribuindo com 647MW para a carga térmica, ou 8pc do total. A manutenção de Angra 2 está quase completa, mas ainda não há um cronograma para a retomada do despacho de energia, disse a operadora Eletronuclear de Angra 2.

Pequenas usinas térmicas podem gerar energia sem a aprovação do ONS do operador da rede. Eles são livres para firmar contratos de fornecimento de longo prazo e vender qualquer excedente no mercado à vista ou negociar contratos de exclusividade à vista com condições favoráveis ​​para operar no mercado livre.

As PQUs têm custo zero de combustível (CVUs) e normalmente vendem energia ao preço spot ou sob contratos bilaterais.

O nível de preço spot de energia estava em R70/MWh (US$ 12,82/MWh) em 21 de julho, um aumento em relação à semana anterior, à medida que a estação seca avança.

A geração de biomassa também é influenciada pela época de moagem da cana-de-açúcar, que cria o bagaço como subproduto. A geração de energia por meio de um produto residual pode ser usada como forma de aumentar a receita, já que a maioria das usinas de cana-de-açúcar do centro-sul do Brasil começou a safra mais tarde do que o normal devido às condições climáticas desfavoráveis.


COMPARTILHAR