Itaipu Hidrelétrica Estabelece Novo Marco na Geração de Energia Elétrica em 2023

Saiba como a Usina Hidrelétrica Itaipu alcançou um feito histórico em produção de energia, superando seus próprios recordes em 2023 devido a condições hidrológicas favoráveis e aumento da demanda energética no Paraguai e Brasil.

A emblemática Usina Hidrelétrica de Itaipu alcançou um novo patamar na produção de energia elétrica, estabelecendo um recorde para o ano de 2023. Segundo informações da Superintendência de Operação da usina, a geração de energia atingiu 287.848 MWh em um único dia, com uma potência média impressionante de 11.994 MW. Esse marco foi atingido na segunda-feira, 20 de novembro, ultrapassando o recorde anterior de 282.781 MWh, registrado apenas cinco dias antes.

Itaipu Hidrelétrica Estabelece Novo Marco na Geração de Energia Elétrica em 2023
Foto-Freepik

Este avanço notável é atribuído às condições hidrológicas favoráveis e ao aumento da demanda energética nos sistemas do Paraguai e do Brasil. A região vem enfrentando uma onda de calor, o que elevou a necessidade de energia elétrica nos dois países. A Itaipu desempenha um papel crucial no atendimento a essas demandas crescentes.

Além disso, o reservatório da Itaipu mantém-se em condições operacionais ideais. Com uma altura de 220,15 metros acima do nível do mar, o reservatório apresenta uma vazão afluente próxima a 10.600 metros cúbicos por segundo. Este cenário positivo é um reflexo do aumento significativo da quantidade de água recebida pela Itaipu ao longo de 2023, que foi 47% superior à do ano anterior.

A produção acumulada da Usina em 2023 já havia ultrapassado a totalidade da geração de 2022, que foi de 69.873 GWh, um indicativo do ano excepcional para a hidrelétrica. Este aumento na geração de energia foi possível devido à maior disponibilidade de água e ao crescente consumo dos sistemas elétricos interligados do Paraguai e do Brasil.

O desempenho da Itaipu em 2023 é um testemunho da sua capacidade extraordinária e da importância estratégica da usina para a segurança energética da região. Este recorde é um marco notável na história da geração de energia hidrelétrica, destacando a importância do aproveitamento eficiente dos recursos naturais e da gestão sustentável da energia.


Suzana Melo

Graduada em Jornalismo pela Faculdade do Rio de Janeiro, Suzana Melo é uma voz respeitada no universo do petróleo, energia e temas correlatos. Com uma abordagem perspicaz e informada, Suzana tem contribuído significativamente para o entendimento desses setores no Click Petróleo, trazendo análises aprofundadas e notícias atualizadas. Seu compromisso com a veracidade e clareza a estabeleceu como uma referência no jornalismo energético. Contato: [email protected].

google newa

+

Relacionadas