O que você pode esperar de um Engenheiro Eletricista?

Um Engenheiro Eletricista, ou Engenheiro Eletrônico, é responsável por desenvolver dispositivos elétricos e testá-los quanto à segurança e eficiência. Suas funções incluem gerenciar o processo de fabricação de novos equipamentos elétricos, usar software de projeto para produzir esquemas e supervisionar o processo de instalação de seus projetos.

Deveres e responsabilidades do Profissional

Engenheiros Eletricistas têm deveres e responsabilidades que se concentram em segurança, dispositivos sustentáveis ​​e garantia de qualidade. Eles projetam, desenvolvem e mantêm sistemas elétricos e peças para eletrônicos de consumo e comerciais. Este profissional fornece suporte para trabalhos elétricos nas indústrias de manufatura, transporte e construção. Seus deveres e responsabilidades incluem:

  • Entendendo e implementando projetos a partir de desenhos técnicos
  • Interagir com empreiteiros e clientes usando comunicação verbal e escrita
  • Fazer apresentações para clientes e colegas de trabalho
  • Participar de reuniões da empresa
  • Criação de documentação e registros de produtos
  • Preparar estimativas de custos para clientes e outros funcionário
  • Inspeção de componentes elétricos durante e após a instalação do produto
    Testando a eletrônica para problemas e propondo soluções

Requisitos de educação e treinamento de Profissional

Os engenheiros elétricos precisam de pelo menos um diploma de bacharel em engenharia elétrica, embora alguns empregadores possam preferir um mestrado. Os alunos dos programas de engenharia elétrica recebem treinamento em fundamentos como elaboração, criação de projetos, teste de eletrônicos e desenvolvimento de sistemas elétricos. A maioria dos Engenheiros Elétricos também completa pelo menos um estágio, dando-lhes treinamento prático com uma organização governamental ou empresa de engenharia.

Engenheiros Eletricistas que desejam trabalhar com o público precisam obter sua licença de Engenheiro Profissional. Para obter esta licença, eles precisam trabalhar sob a supervisão de um PE licenciado por três anos e, em seguida, passar no exame de Princípios e Práticas de Engenharia.

Engenheiros elétricos de nível básico geralmente têm experiência na escola e estágios, portanto, nenhuma experiência real é necessária. Aqueles que precisam trabalhar em grandes projetos ou supervisionar uma equipe precisam de pelo menos três anos de experiência e sua licença de PE.

Qual é a diferença entre um engenheiro eletricista e um eletricista?

Engenheiros Elétricos projetam novos sistemas e desenvolvem ideias únicas para resolver problemas do cliente usando correntes elétricas e condutividade. Os eletricistas instalam e atualizam os produtos que os engenheiros elétricos criam. Ambas as profissões têm um forte conhecimento dos padrões de segurança elétrica e códigos de construção, mas os eletricistas são mais práticos com o produto final, enquanto os engenheiros elétricos trabalham com pesquisa e desenvolvimento de novas invenções. Engenheiros eletricistas e eletricistas podem trabalhar juntos para discutir protocolos de segurança e planejar o acesso aos sistemas de energia. Os eletricistas garantem que conexões e fios específicos sejam configurados de acordo com os esquemas de um engenheiro eletricista.

Quais são as qualidades de um bom Engenheiro Eletricista?

Engenheiros Eletricistas precisam ter um amplo conhecimento de ciência e matemática aplicada para que possam controlar e direcionar as correntes elétricas para alcançar diferentes funções. Como eles usam software de engenharia e modelagem como parte regular de seu processo de trabalho, bons engenheiros elétricos gostam de trabalhar com computadores. Eles devem prosperar ao trabalhar como parte de uma equipe e ser capazes de dar e receber instruções. Engenheiros Elétricos são criativos e imaginativos, capazes de usar o pensamento inovador para criar sistemas de comunicação com o cliente, motores, ferramentas tecnológicas e geradores para seus clientes.

Quais são as tarefas diárias de um Engenheiro Eletricista?

Engenheiros elétricos passam seu tempo em um laboratório executando testes ou trabalham em um escritório usando software de engenharia para desenvolver projetos. Por dividirem seu tempo entre desenvolver conceitos teóricos e testar produtos do mundo real, os Engenheiros Elétricos realizam regularmente reuniões com Pesquisadores, Gerentes de Projeto, Arquitetos, Fabricantes e Analistas de Dados. Eles se comunicam com os clientes para ajustar as expectativas do projeto, elaborar propostas e atualizar contratos. Engenheiros elétricos podem operar equipamentos de fabricação para desenvolver protótipos e realizar testes para determinar sua segurança. Eles leem relatórios do setor para aprender sobre novos regulamentos e padrões.

Quais são os diferentes tipos de Engenheiros Eletricistas?

Engenheiros Elétricos podem se especializar em muitas áreas diferentes, incluindo engenharia nuclear, telecomunicações, redes de dados, microeletrônica e engenharia de energia. Eles aplicam conceitos elétricos à sua especialidade para melhorar os sistemas elétricos e a tecnologia nesse setor. Os engenheiros de microeletrônica gastam seu tempo projetando circuitos e fontes de alimentação de pequena escala, enquanto os engenheiros de energia trabalham em grandes geradores e projetam infraestrutura para fornecer energia a residências e empresas.

A faixa salarial do Engenheiro Elétrico fica entre R$ 8.034,85 (média do piso salarial 2022 de acordos coletivos), R$ 9.040,67 (salário mediana da pesquisa) e o teto salarial de R$ 16.547,04, levando em conta o salário base de profissionais em regime CLT de todo o Brasil.


COMPARTILHAR