Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on google
Google+

Portugal quebrou o recorde mundial de leilão de energia solar, com uma das 21 licenças ofertadas sendo vendida por € 14,76 por megawatt-hora (MWh), informou João Galamba, secretário de Estado e Energia do país. Este é o maior leilão de licenciamento de energia já realizado pelos portugueses, e representa mais que o dobro da atual capacidade de energia solar instalada no país.

Tendo como base as localizações onde as usinas fotovoltaicas serão instaladas, foram realizadas licitações em que entre os concorrentes, venceriam quem concedesse os maiores descontos à tarifa de € 45/MWh. “Este leilão mostra que a transição energética, com a qual o governo está comprometido, não apenas pode acelerar fortemente o investimento e a penetração das renováveis em Portugal, mas também fazê-lo a preços muito baixos”, disse Galamba à Reuters.

Ainda segundo o secretário de Estado e Energia de Portugal, o leilão contou com a vitória de 13 companhias, que não tiveram os seus nomes revelados. De acordo com fonte, há vários agentes europeus entre os vencedores, mas as portuguesas EDP (Energias de Portugal) e Galp não fazem parte da lista.